Engenharia da Qualidade

Engenharia de Manutenção Naval e Offshore

Turmas

A distância - Híbrido
A distância - ONLINE

Objetivos

Engenharia da Qualidade visa garantia da qualidade e melhoria da gestão focado no uso de ferramentas da qualidade e gestão do processo, mitigação dos riscos e resposta. Assegurar que retrabalhos não sejam introduzidos reduzindo o numero de defeitos focando no treinamento dos empregados.

Programa

Carga Horária: 360h

Análise e Gerenciamento de Riscos.
Ferramentas Gerenciais de Controle: EAR e PGR.
Medidas Preventivas e Mitigadoras.
Ferramentas :APR (Análise Preliminar de Risco), AST (Análise de Segurança da Tarefa), HAZOP, FMEA, PT (Permissão para Trabalho) e Mapa de Risco.
Boas Práticas de Segurança na Indústria.
Máquinas e Equipamentos
Equipamentos de Proteção Individual e Coletiva.

Etapas da aplicação da confiabilidade
Custos da manutenção e da produção em função da confiabilidade
Classificação dos modos de falha
Manutenção (Preventiva, Preditiva, Detectiva, Engenharia de Manutenção, Manutenção Corretiva)
Curva da Banheira
Parâmetros da confiabilidade
TMPR –Tempo médio para reparos
Análise de Árvore de Falhas – Elementos lógicos.
Análise Funcional
Analise de Criticidade
Analise de modo e efeito crítico de Falha
Análise das Causas-Raízes de Falha.

Demonstrações financeiras básicas e discute sua função no processo de tomada de decisão.
Descreve e analisa métricas de geração de valor.
Explica os conceitos de capital de giro e fluxo de caixa e discute a sua importância para a saúde financeira da organização.

Gestão de Processos: Fundamentos, Técnicas e Modelos de Implementação.
Criação do fluxo contínuo, fluxo interno, layout e máquinas que fazem parte do processo produtivo, análise de disposição de recursos, diagrama de spaghetti, tipos de layout, identificação das atividades dos operadores, interpretação da demanda do cliente traduzindo-a no fluxo contínuo.
Elaboração de o plano para cada peça (PPCP ou PFEP).

Definir e contextualizar o programa de Lean Seis Sigma e suas ferramentas. Fundamentos do LSS
A metodologia DMAIC
Mapa de Raciocínio
Estatística Básica: tipificação de dados, medidas de posição, medidas de dispersão, gráficos: setores, barras, histograma, pareto, boxplot, sequencial; Introdução ao CEP – Controle Estatístico de Processos.

O Mapa de Fluxo de valor como bússola do processo, sendo base para atingir os estados futuros através de um concreto plano de ação.
Entender o Mapa de Fluxo de Valor como um projeto e a figura do Líder do MFV como gerente de projeto.
Explorar a técnica do mapeamento, seus ícones e a forma de utilização desta linguagem simbólica internacional.
Realizar o mapa atual para uma empresa, vislumbrar e desenvolver o mapa do estado futuro desta empresa.
Construir e gerir um plano de ação de implementação Lean e acompanhá-lo.

Os cinco pilares do TPM: Eficiência – Autorreparo – Planejamento – Treinamento – Ciclo de vida.
Manutenção Autônoma.
Manutenção Planejada.
Falhas Visíveis – Falhas invisíveis.
Padrão Técnico de Processo: Controle x ajuste
Avaliação de Processos.
Fluxo de informações técnicas.
Definir, identificar e eliminar falhas.
Determinação da causa, efeito e risco de cada tipo de falha.
Implantação de ações para aumentar a confiabilidade.
Análise de tempos de parada.
Ação do operador no sistema de manutenção.
Organização do estudo do módulo de falhas, planilha do FMEA.
Implementação do FMEA em uma lógica PDCA.
Avaliação e cálculo dos NPR’s.

Conceitos Básicos do TQC: Qualidade
Processo
Item de Controle e Item de Verificação.
O Ciclo PDCA de Controle de Processos: atuação ao alcance das metas para manter-melhorar.
As Ferramentas analíticas.
Sete Ferramentas Administrativas da Qualidade.
Integração das ferramentas Lean Seis Sigma ao DMAIC (Definir – Medir – Analisar – Melhorar – Controlar) . Estatística e Variabilidade.

Sistema de medição.
Validação do sistema de medição.
Curva de distribuição normal e curvas de distribuição não normal.
Dados contínuos e dados discretos.
Estudo das oportunidades de defeitos Limites de especificação superior e Inferior.
Coleta de Dados.
Gráficos no Minitab: Gráfico de Pareto.
Diagrama de causa e efeito.
Histograma. Diagrama de dispersão.
Gráfico de Controle.
Cálculo de Z.
Capacidade do Processo e Performance do Processo Cp, Cpk Pp, Ppk.
Gráfico de controle x tecnologia.
Testes de hipóteses com dados contínuos e discretos usando a média ou desvio padrão.

Escritório de Projetos.
Tipos de PMO.
Processos do PMO.
Princípios para implantação de um PMO.
Estrutura organizacional de apoio aos projetos.
Funções: normatização, educação, operação e controle.
Portfólio de projetos.
Processos decisórios estruturados – importância, conceitos e benefícios.
Modelos de maturidade.
Análise comparativa entre Modelos de Maturidade.

Introdução ao Agile e ao Scrum
O manifesto Ágil e seus Princípios
A importância do Produto Mínimo Viável (MVP)
Visão geral e conceitual do framework Scrum
Características e benefícios do Scrum / Framework SCRUM
Iniciando um Projeto
Definindo a Equipe Scrum
Criando e Priorizando o Backlog do Produto
Identificando as Necessidades das Partes Interessadas
Definindo prioridades
Planejamento em multinível (Planning Onion): Diário, Sprint, Versão de Entrega, Produto e Portfólio / Implementação do Projeto
Criando os Entregáveis / Monitorando projetos com Scrum
Revisão e Retrospectiva – Concluindo e validando uma Sprint
Release – Concluindo e validando um Projeto.

Planejamento de RH, Contratação e mobilização de equipes
Funções, responsabilidades e relações hierárquicas
Ferramentas e técnicas: organogramas e descrições de cargos
Matriz de Responsabilidades (MR)
Aspectos funcionais do recrutamento, seleção, treinamento, desenvolvimento, remuneração.

Cultura organizacional.
Descreve a dinâmica do clima organizacional e propõe formas de avaliá-lo.
Discute modelos e ferramentas para identificar situações ou áreas que requeiram mudança.
Propõe estratégias, processos e instrumentos de gestão de mudanças.

Fatores Críticos da Gestão: Liderança e Conhecimentos na Gestão
Método Gerencial: Análise, plano, Execução e Verificação
Táticas de Gerenciamento
Gerenciamento dos resultados
Gerenciamento dos Processos
Gerenciamento dos resultados
Gestão das equipes para solução de problemas
Gestão do Ambiente
Foco nas soluções.
Métricas ou indicadores de gestão de Recursos Humanos
A importância das métricas para pessoas e Organizações
Métricas quantitativas e qualitativas, de eficiência e de eficácia, simples e compostas
Métricas demográficas, financeiras e de processos envolvendo gestão de RH
O balanced scorecard (BSC) no contexto das métricas de RH
O BSC de Jac Fitz-Ens e os subsistemas de RH.
Big Data em RH e seus principais usos.

Sistemas de Informações Gerenciais.
Aplicações Integradas.
Processos de Negócios apoiados nos sistemas.
Plataformas BPMS
Worflows vs BPMS
Tecnologia da Informação e o BPMS.

Objetivos da Medição
Confiabilidade Metrológica
Áreas de Atuação da Metrologia
Dimensões das Grandezas
Análise Dimensional
Algarismos Significativos. Rastreabilidade
Calibração e Ensaio
Processo de Medição
Exatidão
Precisão
Repetibilidade e Reprodutibilidade
Deriva Instrumental
Erro Máximo Admissível
Correção, Ajuste
Incerteza de Medição.
ISO 10012 (Sistemas de gestão da medição).

NBR ISO 19011
Tipos de Auditoria
Etapas e Realização de Auditorias Internas e em Fornecedores
Planejamento
Preparação
Responsabilidades do Auditor
Condução das atividades
Coleta de informações
Constatações da Auditoria
Identificação e o registro de não-conformidades
Relatório de Auditoria
Conclusão da auditoria, relatório, fechamento e follow-up.

Gerenciamento da Qualidade Total
Ferramentas e Métodos para Melhoria da Qualidade
Programas de Qualidade e Produtividade: Gerenciamento pelas Diretrizes, Gerenciamento de Rotinas, 5S, PDCA
Ação Gerencial / 5W1H – Padronização
Identificar os indicadores de desempenho relacionados com as atividades de rotina ou operacionais de cada cargo/função/pessoa
Atender às necessidades dos clientes/usuários
Transformar indicadores subjetivos em algo mensurável
Especificações.

Metodologia de Design Thinking
Experiência do usuário
Geração de alternativas. Empatia
Introdução a métodos para geração de ideias e inclusão de pessoas (funcionários, clientes, stakeholders…) no processo criativo
Tangibilização e resultados
Técnicas e Ferramentas Colaborativas e Centradas nas Pessoas: Gamestorming, Toolset de Design Thinking, Facilitação de dinâmicas despertando o mindset criativo.

Introdução à pesquisa, Métodos de estudo: fichamento, resenha, organização do trabalho científico, Trabalhos científicos: roteiro de pesquisa / Projeto de pesquisa / TCC.

Certificação

De acordo com a legislação do MEC em vigor, serão concedidos certificados de Pós-Graduação – Lato Sensu, Especialização ou MBA dos cursos ministrados pela Universidade Católica de Petrópolis aos alunos que obtiverem aproveitamento mínimo requerido (nota 7) em cada disciplina e seu Trabalho de Conclusão de Curso ( TCC) aprovado.

Aos alunos que não entregarem o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) será concedido certificado de Qualificação Profissional emitido pelo IPETEC – Instituto de Pesquisa, Educação e Tecnologia.

Documentação necessária

  • Identidade e CPF
  • Certidão de nascimento ou casamento
  • Comprovante de Residência
  • Diploma de Graduação
  • Histórico da Graduação
  • Foto 3×4

Engenharia da Qualidade

  • 24x de R$ 389,55 * Mensalidade até o dia 10
  • Taxa de matrícula: R$ 100,00 Mensalidade sem desconto: R$ 556,50
  • *Desconto de 30% para pagamento efetuado até o dia 10 de cada mês.