MBA em Gerenciamento de Projetos nas Áreas Naval e OffShore

MBA em Gerenciamento de Projetos nas Áreas Naval e OffShore

Turmas

A distância - AO VIVO

Objetivos

Desenvolver competências na área de Gerenciamento de Projetos nas Áreas Naval e Offshore por meio de ampla exemplificação, métodos, processos, ferramentas, técnicas, lições aprendidas e outros itens relevantes que retratam o atual estado da arte e que são amplamente reconhecidos e demandados pelo mercado de trabalho.

Perfil do Especialista

Efetuar o gerenciamento de projetos nas áreas Naval e Offshore com conhecimentos atualizados nas melhores práticas nacionais e internacionais que atualmente são aplicadas no Mercado de Óleo e Gás.

Atuar em áreas especificas de gerenciamento offshore tais como em: contratos, mudanças e pleitos, planejamento e controle, engenharia, normas e regulamentos aplicáveis, suprimentos, construção, comissionamento e descomissionamento, segurança do trabalho, controle da qualidade, riscos, comunicação e partes interessadas.

Candidatar-se à obtenção da certificação PMP (Project Management Professional) pois terá todo o embasamento teórico necessário para tal.

Aplicar a Metodologia de Gerenciamento de Projetos preconizada pelo PMI (Project Management Institute) em sua customização Naval e Offshore.

Programa

Carga Horária: 378h

Situando o tema naval e Offshore
O Project Management Institute – PMI®
A certificação como Gerente de Projetos – PMP®
Fundamentos em projetos Naval e Offshore
Particularidades das áreas Naval e Offshore
Falhas em Projetos Naval e Offshore
Aplicação e customização do guia PMBOK® 7ª edição aos requisitos do segmento Naval e Offshore, compreendendo:
Princípios do gerenciamento de projetos
Domínios de desempenho de projetos: Partes interessadas; Equipe; Abordagem de desenvolvimento e ciclo de vida; Planejamento; Trabalho do Projeto; Entrega
Medição; Incerteza
Tailoring
Modelos métodos e artefatos
Métodos ágeis – Scrum – Kanbam – Lean
Aplicações específicas dos métodos Tradicional e Ágil às áreas Naval e Offshore, em particular a: Contratos; Mudanças e pleitos; Portfólio; Planejamento e Controle; Engenharia; Normas e regulamentos aplicáveis; Suprimentos; Construção; Comissionamento e descomissionamento; Segurança do trabalho; Controle e Garantia da Qualidade; Riscos; Comunicação e Partes Interessadas

Desenvolver o termo de abertura do projeto
Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto
Orientar e gerenciar o trabalho do projeto
Monitorar e controlar o trabalho do projeto Naval e Offshore
Realizar o controle integrado de mudanças Naval e Offshore
Encerrar o projeto ou fase Naval e Offshore
Ferramentas e técnicas para gerenciamento da Integração
Planejar o gerenciamento do escopo
Coletar os requisitos Naval e Offshore
Matriz de rastreabilidade dos requisitos
Definir o escopo
Criar a EAP – Estrutura Analítica do Projeto
Validar o escopo
Controlar o escopo
Ferramentas e técnicas para o gerenciamento do escopo – Naval e Offshore
Registros de mudanças
Registro de Lições aprendidas
O processo de Integração nas interfaces entre as diversas áreas: escopo, custo, prazo, recurso, qualidade, aquisições, risco, comunicações e parte interessados

Planejar o gerenciamento do cronograma;
Definir as atividades;
Sequenciar as atividades;
Estimar a duração das atividades
Desenvolver o Cronograma
Otimização e nivelamento dos recursos
Controlar o Cronograma
Rede PERT
Análise de cenários e simulações
Análise de desempenho e tendências
Caminho Crítico e Corrente Crítica.
Gerenciamento de Mudanças
Gerenciamento pela Metodologia do Valor Agregado – EVM
Ferramentas e técnicas aplicáveis ao gerenciamento do cronograma – Naval e Offshore
Lições aprendidas

Princípios gerais do PMBOK 7ª edição no que tange a custos e recursos e suas interfaces com os domínios de desempenho.
Contextualizar Gestão de Recursos e Custos no Ambiente de Projetos
Visão Caixa x Visão Competência (Cash Base x Accrual Base)
Noções de Classificações dos Custos (Contabilidade de Custos)
Demonstrativo de Resultados do Exercício (DRE)
Processos Gerenciamento de Recursos do PMBOK
Planejar o Gerenciamento de Recursos: Determinar os Histogramas de recursos em alinhamento com o cronograma do projeto
Estimar os Recursos das Atividades: Os recursos como base para elaboração do Orçamento; A interface com o Gerenciamento de Riscos – determinação das contingências
Adquirir Recursos: A interface com o Gerenciamento das Aquisições
Desenvolver Equipe
Gerenciar Equipe: Melhores práticas
Controlar os Recursos: Técnicas de medição; Lições Aprendidas erros e acertos
Processos Gerenciamento de Custos do PMBOK
Planejar o Gerenciamento de Custos: A interface com o Gerenciamento de Mudanças
Estimar os Custos: Tabela de Formação de Valor (TFV) ou Demonstrativo de Formação de Preços (DFP); Cronograma com Alocação de Recursos ou Resource Loaded Schedule
Determinar o Orçamento; Precificação através da Taxa de Benefícios e Despesas Indiretas (BDI); A interface com o Gerenciamento de Riscos – determinação das contingências
Controlar os Custos: Gerenciamento do Valor Agregado / Earned Value Management (EVM); Aplicações práticas da metodologia de Gerenciamento do Valor Agregado: Lições aprendidas – erros e acertos

A fase pré-contratual
A reunião de Kick-off meeting
As diversas modalidades de contratos
Os elementos básicos dos contratos: Proposta Técnica e Comercial; Qualificação das Partes; Objeto de Contratação; Obrigações das Partes; Condições Financeiras do Contrato; Indicadores de Desempenho; Penalidades; Fiscalização; Medição e faturamento; Foro para Resolução de Conflito
As ferramentas de gestão de contratos
Documentos – registros – Cartas ou ofícios / RDO/RO /Consultas Técnicas / Atas de Reunião / E-mails / Vídeos e Fotografias / Ata Notaria;
O gerenciamento de mudanças
Os pleitos
O desequilíbrio financeiro e suas causas
A questão da causa e efeito nos pleitos
Documentando o pleito
O antipleito
O encerramento do contrato

Desenvolvimento do projeto – da WBS aos entregáveis.
Níveis de detalhamento de projeto – conceitual, básico e detalhado – FEED.
Especificações, Requisições de encomenda (RFQ) e Análise Técnica de Propostas (ATP) de fornecedores
Gestão de Contratos de Engenharia – O “E” do EPC
Gestão das informações de engenharia.
Consultas técnicas
Modificações de campo
Softwares de engenharia
GED – gerenciamento eletrônico de documentos
Projeto em 3D
Integração e interfaces entre disciplinas
Gestão integrada de mudanças nos projetos de engenharia
CQP – Controle de Qualidade de Projeto de engenharia
Fiscalização do projeto de engenharia pelo Cliente
Encerramento do projeto de engenharia e As-Built

Requisitos da Legislação Brasileira referentes aos projetos e construções nas áreas Naval e Offshore.
Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho (NRs) / Portarias das Agências Reguladoras Brasileiras (ANP, ANVISA, ANATEL).
Normas da Autoridade Marítima Brasileira, DPC – Diretoria de Portos e Costas / NORMAM.
Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – IMETRO.
Instituto Brasileiro do Meio-Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – IBAMA.
Verificação dos Documentos de Projeto e Avaliação dos Certificados.
Inspeções no Estaleiro Construtor e nas Unidades Offshore.

Construção e Montagem – Objetivos e Aplicação
Fases da Construção e Montagem em projetos Offshore:
Serviços relacionados integridade e manutenção de ativos Offshore
Serviços relacionados com estudos e projetos para obras de modificação e/ou melhorias operacionais de ativos existentes
Serviços relacionados a manutenção e integridade de ativos existentes
Pesquisas e Investigações prévias (Delineamento)
Estratégias de Execução
Construtibilidade
Planejamento, Monitoramento e Controle da execução
Garantia da Qualidade/Controle da Qualidade
O Comissionamento:
Teste de Aceitação de Fábrica (TAF) /FAT – Factory Acceptance Test
Plano de preservação e atividades
Fase de Conclusão Mecânica
Completação de Área
Certificado de Conclusão Mecânica (CCM) / (MCC – Mechanical Completion Certificate)
Pré-comissionamento
Teste de Aceitação de Performance 1 (TAP-1) –
Teste de Transferência e Aceitação do Sistema 1 (TTAS-1)
Fase de Operação Assistida
Teste de Aceitação de Performance 2 (TAP-2) –
Teste de Transferência e Aceitação do Sistema 2 (TTAS-2)
Manual de Comissionamento
Procedimentos de Comissionamento
Gerenciamento de Sobressalentes e Ferramentas Especiais
Controle do Comissionamento
O Descomissionamento

Principais Riscos associados a atividade offshore
Normas Regulamentadoras apresentação geral e seu detalhamento e aplicação Naval e Offshore: NR-01 Disposições Gerais / NR-02 Inspeção Prévia /NR-03 Embargo ou Interdição / NR-04 SESMT / NR-05 CIPA / NR-06 EPI / NR-07 PCMSO / NR-08 Edificações / NR-09 PPRA / NR-10 Eletricidade / NR-11 Materiais / NR-12 Máquinas e Equipamentos / NR-13 Caldeiras, Vasos e Tubulações / NR-15 Insalubridade / NR-16 Periculosidade / NR-17 Ergonomia / NR-18 PCMAT / NR-19 Explosivos / NR-20 Inflamáveis e Combustíveis / NR-21 Céu Aberto / NR-23 Incêndios / NR-24 Higiene e Conforto / NR-25 Resíduos / NR-26 Sinalização / NR-27 Registro Profissional / NR-28 Fiscalização e Penalidades / NR-30 Aquaviário / NR-32 Saúde / NR-33 Espaços Confinados / NR-34 Naval / NR-35 Trabalho em Altura / NR-37 Plataformas de Petróleo / NR-38 Programa de Gerenciamento de Risco (PGR)
Plano de Gestão de SMS
Importância do planejamento executivo envolvendo o SMS
Investigação de acidentes e incidentes
Desembarques
Treinamentos
Inspeções
Comunicação com a fiscalização
Documentações e controles para embarque
Contratação de terceirizadas

O que é Gerenciar a Qualidade?
Custos relacionados a Qualidade
Entendendo as instituições: FBTS / ABRACO / ABENDI
Relação da Qualidade com as demais áreas de conhecimento
Programas e Sistemas: 5S; 6 Sigmas; Gerenciamento pelas Diretrizes; ISO 9001; Lições aprendidas
O Plano da Qualidade
Os Critérios de Medição
Sociedades Classificadoras
Métodos de inspeção
Tolerâncias de construção
IACS – Associação Internacional das Sociedades Classificadoras
Medição e rastreabilidade – RBC e RBLE
O Plano de Inspeção e testes
A Qualidade nas diversas fases: Projeto; Subcontratado; Cliente – caso Petrobras; Recebimento; Construção; Comissionamento; Administração contratual
Os Requisitos, restrições e premissas
Planejar o gerenciamento da qualidade
Gerenciar a qualidade
Controlar a qualidade
A Garantia da Qualidade associada aos processos Naval e Offshore
Ferramentas e técnicas aplicáveis ao gerenciamento da qualidade – Naval e Offshore

Introdução a Gestão do Controle da Qualidade
Normas e regulamentos aplicáveis
Estrutura de gestão de CQ
Requisitos contratuais
Procedimentos – Critérios de inspeção
Qualificações e certificações
Qualificação dos inspetores
Qualificação dos soldadores e demais profissionais
IEIS – Instruções de Execução e Inspeção da Soldagem
EPS – Especificação de Procedimento de Soldagem
RQPS – Registro de Qualificação de Procedimento de Soldagem
Inspeções
Inspeção no fabricante
Inspeção de recebimento, na fase de fabricação e na fase offshore
Ensaios não destrutivos
Pintura
Mecânica
Elétrica
Documentação e Data book
Rastreabilidade de materiais e inspeção.
Gerenciamento do CQ Relatórios e controle
Data book

Apresentar os conceitos gerais de análise de Viabilidade Econômica, bem como a ligação com o PMBOK 7ª edição
Conceituar o Valor do Dinheiro no Tempo e calcular: Valor Futuro (VF); Valor Presente (VP)
Saber a relação entre Risco e Retorno
Apresentar a boas práticas determinísticas de avaliação econômica com base no Fluxo de Caixa Descontado (FCD)
Aprender os conceitos e exercitar o cálculo dos principais indicadores: Valor Presente Líquido (VPL) ou Net Present Value (NPV); Payback (Simples e Descontado); Taxa Interna de Retorno (TIR) ou Internal Rate of Return (IRR)
Apresentar a boas práticas estocásticas de avaliação econômica
Aprender os conceitos e ferramentas sobre: Valor Monetário Esperado (EVM); Análise de Sensibilidade; Análise de Cenários; Árvore de Decisões; Simulação de Monte Carlo
Lições aprendidas – erros e acertos

Projetos de Unidades Navais: Conceito e Definições
As VIPs – práticas de melhoria de valor – de Construtibilidade: origens e princípios
Como é feito o Gerenciamento dos Projetos de Unidades Navais e Offshore
A Metodologia FEL
Análise de Construtibilidade
A Lista de itens de Construtibilidade
Projeto de Engenharia e a Construtibilidade
Estratégia de Contratação e Suprimentos e a Construtibilidade
Requisitos de Construtibilidade na localização do Projeto / Canteiro
Estratégia de C&M e Comissionamento e a Construtibilidade
Principais causas de perda de produtividade
Requisitos Legais e de SMS e a Construtibilidade
Tecnologias digitais em Construtibilidade
Design review

Fundamentos da Teoria de Riscos
Fundamentos de Gerenciamento de Riscos de projeto
Gerenciamento de riscos em projetos – conceitos
Por que Gerenciar os Riscos?
Incerteza e Fatores de Risco
Apetites, Tolerância e Limites para riscos
Plano de Gerenciamento dos Riscos
Categorias de Risco – EAR – Estrutura Analítica dos Riscos
Identificação dos Riscos
Análise Qualitativa
Matriz de Probabilidade e Impacto
Análise Quantitativa
Análise de Sensibilidade
Análise do Valor Monetário Esperado
Análise de Monte Carlo
Árvore de Decisão
Atualização no Registro de Riscos
Planejamento das Respostas aos riscos
Estratégias de Mitigação de Riscos
Cálculo da Reserva de Contingência
Monitoramento e Controle dos riscos
Gerenciamento de Riscos em Prazos de Projetos de Construção Naval e Offshore
Identificando os Riscos com maior impacto em prazo no projeto
Riscos Típicos de Sistemas Offshore estruturados em uma EAR
Ferramentas e aplicação dos métodos
Estudos de caso
Técnicas de Análise de Risco
APR – Análise Preliminar de Risco
HAZOP -Hazard and Operability Study
SIL – Safety Integrity Level – Nível de Integridade de Segurança

Visão geral PMBOK® 7a edição
Domínios de desempenho PMBOK® 7a edição e as aquisições
Visão geral aquisições PMBOK®
Planejar o gerenciamento das aquisições;
Conduzir as aquisições;
Controlar as aquisições
Política de Suprimentos
Glossário de compras
Fases do processo de aquisições
As aquisições públicas
O Conteúdo Local
Os Tipos de Contratos
A administração de materiais
A decisão entre Fazer ou Comprar
A Cadeia de Suprimentos
O Cadastramento de materiais
O Gerenciamento de fornecedores
A Qualificação de fornecedores
Os Critérios pata seleção de fornecedores
O Diligenciamento
Os Indicadores – aquisição
A integração com as demais áreas: Contratos / Engenharia / Almoxarifado / Escopo / Qualidade / Prazo / Custo / Risco / Controle de mudanças / Recursos / Comunicação
Seguros
Compliance
Pleitos e Claims
Ferramentas e técnicas aplicáveis ao gerenciamento das aquisições – Naval e Offshore

Visão geral do processo
Interfaces
Planejamento de Suprimentos
Long Lead Items
A Requisição de Material
A definição dos fornecedores
Cotação – Request for Quotation – RFQ
A fase de esclarecimentos
A negociação
O início das atividades de fornecimento
O diligenciamento
O Plano de inspeções e testes
Indicadores de suprimentos
Matriz de Riscos
Impostos mais aplicáveis aos suprimentos
Planejamento da produção
Compras de matérias primas
Logística de recebimento de matéria prima
Armazenagem de produtos acabados
Logística para o centro de distribuição
Logística para o cliente final
Logística reversa

Planejar o gerenciamento das comunicações
Matriz de comunicações
Modelos para divulgação do desempenho
Gerenciar as comunicações
Monitorar as comunicações
Plano de comunicações – Modelos de Relatórios
Matriz de avaliação e priorização das Partes Interessadas
Identificar as partes interessadas incluindo entidades regulamentadoras das atividades Naval e Offshore
Planejar o engajamento das partes interessadas
Gerenciar o engajamento das partes interessadas
Monitorar o engajamento das partes interessadas
Matriz de controle – Sistemática de acompanhamento e revisão
Interface com as demais áreas de conhecimento
Ferramentas e técnicas aplicáveis ao gerenciamento das partes interessadas – Naval e Offshore

Modelos de Gerenciamento de Tecnologia e casos de aplicação
Apresentação de um modelo completo de desenvolvimento de um novo casco de plataforma de produção de petróleo e seus sistemas de ancoragem e de escoamento da produção.

Falhas em Projetos
Restrição tripla
O PMI – guias e standards
O PMBOK
Manifesto Ágil
O SBOK
Abordagem tradicional
Abordagens tradicional e ágil – comparação
Métodos Ágeis
Complexidade e incerteza
Projetos complicados: Projeto de engenharia; Reparo naval; Conversão; Construção; outros
Metodologia Lean
Scrum
Kanban
OKR
Design Thinking
SAFe
Aplicações práticas

Gerenciamento de Projetos – Conceitos
PMO – Project Management Office – Funções
Padronização dos processos e o PMO
Padrões e Metodologia de Gerenciamento de Portfólio
Gerenciamento de Projetos, Programas e Portfólios
Processos de Gerenciamento de Portfólio
Análise de desempenho de Projetos, Programas e Portfólios

Trabalhos científicos: Roteiro de Pesquisa / Projeto de pesquisa / TCC (Trabalho de Conclusão de Curso).

Certificação

De acordo com a legislação do MEC em vigor, serão concedidos certificados de Pós-Graduação – Lato Sensu, Especialização ou MBA dos cursos ministrados pela Universidade Católica de Petrópolis aos alunos que obtiverem aproveitamento mínimo requerido (nota 7) em cada disciplina e seu Trabalho de Conclusão de Curso ( TCC) aprovado.

Aos alunos que não entregarem o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) será concedido certificado de Qualificação Profissional emitido pelo IPETEC – Instituto de Pesquisa, Educação e Tecnologia.

Coordenação

Luis Vandick Fajardo

  • Mestrado em Sistemas e Computação (Conceito CAPES 3). Instituto Militar de Engenharia, IME, Brasil.

É hora de investir em seu futuro.

Documentação necessária

  • Identidade e CPF
  • Certidão de nascimento ou casamento
  • Comprovante de Residência
  • Diploma de Graduação
  • Histórico da Graduação
  • Foto 3×4

É hora de investir em seu futuro.

MBA em Gerenciamento de Projetos nas Áreas Naval e OffShore

  • 24x de R$ 424,00 * Mensalidade até o dia 10
  • Taxa de matrícula: R$ 100,00 Mensalidade sem desconto: R$ 530,00
  • *Desconto de 20% para pagamento efetuado até o dia 10 de cada mês.